Mídias Área Administrativa

Missão e Metas

Objetivos, ações, metas e rumos

A Atens Nacional ocupando seu espaço:

Focos Objetivos Gerais
1. Entidades e órgãos 1) Representar os TNS das IFEs
2. TNS (organização) 2) Estimular a criação das coordenações e atens locais
3. TNS (desenvolvimento) 3) Fortalecer a identidade e auto-imagem do TNS

Objetivos específicos

1) Coordenações e associações
O ATENS Sindicato Nacional trabalha incentivando e apoiando a criação de coordenações e associações locais ou estaduais. Buscar dar o suporte que estiver ao alcance da diretoria e do Atens Sindicato Nacional, com presença, apoio e envolvimento político.

2) Associados
Atingir a meta de associados da Atens nacional compatível com o financiamento da entidade. Partindo do valor de contribuição, a meta desejada pode ser a que se considere suficiente para a sustentação do ATENS Sindicato Nacional. Por exemplo: 1000 associados, 2000 associados, 4000 associados e,  assim por diante.

3) Reconhecimento
Buscar interlocução com todos os entes e órgãos da área de atuação dos TNS e das instituições federais de ensino, visando reconhecimento do ATENS Sindicato Nacional como representante legítima dos TNS.

4) Atuação conjuntural
Atuar na defesa dos interesses do segmento e sua representação, procurando ocupar espaço e legitimidade, nas questões da conjuntura que tenham que ver diretamente com os TNS, como carreira e sua correção (no imediato), reajustes salariais, capacitação e qualificação, aposentadoria, acordos diversos, etc.

Discutir esses temas, sistematizando as posições do segmento, e dialogar com as autoridades, setores e entidades que participem dos seus encaminhamentos e das resoluções, seja com ofícios, reuniões, audiências, pressões diversas. Sempre considerando a estrutura com que contamos, na realidade de uma entidade nascente, cuja base é todo o território nacional.

5) Proposta de Carreira para TNS
Iniciar, em momento oportuno, discussão para elaboração de modelo de plano de carreira que tenha a ver com a definição do papel dos TNS nas IFE.

6) Capacitação na área sócio-política, utilizando recursos de EaD

Táticas

Desenvolvimento da categoria

1) Construção de análises – coletivas ou não – sobre temas de interesse dos TNS: identidade profissional, política no e do segmento, carreira própria, realidade x virtualidade, organização sindical,entre outros.
2) Fortalecimento da identidade e da auto-estima do segmento através do conhecimento geral, da arte e da cultura, e da inserção no debate da essência de seu ser profissional no ambiente organizacional das IFE.
3) Incentivar a participação do segmento nos assuntos candentes, ligados ao movimento TNS, buscando, cada vez mais, sua motivação e mobilização.

-Cada diretor/a deve buscar enfocar sua área nessas atuações, que podem se transformar em projetos específicos.
-Esses materiais devem ser debatidos e divulgados nas listas, fóruns, jornal e página na internet.

 

Operações

Tarefas cotidianas de diretoria

1) Reuniões da diretoria

2 ) Audiências com reitores
Cada diretor/a deve se apresentar e apresentar a Atens Nacional a seu reitor, buscando uma interlocução permanente, respeitando os interesses do segmento e o estatuto da entidade, sempre se enfatizando a independência necessária de atuação da diretoria e da Atens Nacional.

3) Visitas às instituições locais e da região
Cada diretor/a procurará visitar universidades de sua região, dando a conhecer o Atens Sindicato Nacional, seguindo seus objetivos e metas.

4) Interlocução com coordenações e atens locais
Permanentemente estabelecer contato com as bases, para contribuir em sua organização e buscar coesão e unidade de ação.

5) Criação/manutenção de núcleos de apoio
Cada diretoria pode montar um núcleo de apoio (assessoria) para suas iniciativas e ações, convidando livremente, a seu critério, companheiros em sua instituição e em outros lugares, através das listas. Isso ajudaria, na gestão de cada diretoria, além do desenvolvimento de seus objetivos, a preparar quadros e lideranças, e a aglutinar mais gente, por intermédio desses núcleos, como forma de participação.

6) Atuação/animação na lista de discussão
As listas de discussão têm sido fundamentais para o debate político e a organização dos TNS. Sem dispersão, a atuação nelas deve ser incentivada, o debate e os intercâmbios diversos devem ser estimulados. Não deixar que dependa só do espontaneísmo de cada um, para evitar tempos mortos, sem fluxo de comunicação.

ATENS NACIONAL

Endereço

Secretaria Geral do ATENS-SN

Rua Guajajaras, 910 – Sala 412
Centro – Belo Horizonte/MG
CEP.: 30180-106
www.atens-sn.org.br
atens-sn@atens-sn.org.br

Copyright © 2013 atens-sn.org.br - Todos os direitos reservados

Desenvolvido com Wordpress - www.wordpress.org